×
  • Estamos com nosso atendimento normalizado. Por medidas de segurança, pedimos que os atendimentos presenciais sejam agendados clicando aqui.

Mundo dos Vistos

<?=$resultPrint[nomeimg];?>

9 dicas para ter o visto canadense aprovado

9 dicas para ter o visto canadense aprovado

O Canadá é muito procurado pelos brasileiros.

Se você também está pensando em viajar para o Canadá, vamos apresentar 10 dicas para ter o visto canadense aprovado.

Continue lendo para descobrir as dicas!

Por que visitar o Canadá:

Existem vários motivos pelos quais as pessoas querem visitar o Canadá. Além de vários pontos turísticos lindos e extremamente incríveis, é um país muito bom de viver.

Veja a seguir outros motivos que essa região possui e pelos quais vale a pena visitar o país. São eles:

  • Baixo custo para quem deseja estudar. Várias instituições oferecem bolsas a estudantes estrangeiros. Também há a possibilidade de trabalhar enquanto estuda;
  • Ótima qualidade de vida;
  • Suas características naturais como as montanhas de Whistler, Sulphur e Big Beehive; as cataratas do Niágara;
  • Seus pontos turísticos como CN Tower;
  • Menos barreiras para imigrar. O país possui menos burocracias em relação à documentação para quem deseja permanecer por um período superior a dez anos.
  • Se você pretende visitar, estudar ou morar no Canadá, comece visitando o site da imigração, pois é aí que você vai encontrar informações gerais sobre como entrar no país.

    Tipos de visto canadense

    O tipo de visto varia de acordo com o objetivo da viagem: trabalho, estudo e turismo. São divididos nas seguintes categorias:

  • Visto de residente temporário: Turismo, negócios ou estudos com até 24 semanas de duração
  • Autorização Eletrônica de Viagem - eTA;
  • Permissão de estudos: cursos com duração superior a 24 semanas;
  • Cada tipo de visto necessita de uma documentação diferente.

    1. Enviar os documentos completos

    Os documentos necessários geralmente são:

  • Cópia do RG de todos os membros da família;
  • Foto;
  • Cópia do passaporte;
  • Extrato bancário;
  • Cópia dos três últimos contracheques;
  • Cópia da declaração de imposto de renda;
  • Carta convite para quem for visitar parentes que moram no Canadá.
  • 2. Escolher o visto adequado

    eTA:

    O Ministério da Cidadania e Imigração simplificou o processo de entrada e documentação implantando o eTA (Eletronic Travel Authorization ou Autorização eletrônica de viagem).

    O eTA é uma forma mais rápida e econômica do visto tradicional. Você pode utilizá-la caso tenha um visto americano válido ou visto canadense emitido nos últimos 10 anos.

    Para solicitar o eTA, visite o site do Governo do Canadá e preencha o formulário. Ele tem um tempo determinado de preenchimento.

    Portanto, antes de acessar o site, separe todos os seus documentos para não perder tempo. Depois do preenchimento pague a taxa e aguarde a resposta.

    O eTA vai direto para o sistema de check-in das companhias aéreas. Então, não é necessário imprimir nada.

    A validade do eTA é de 5 anos, ou até o vencimento do seu passaporte. E para renovar, é só realizar uma nova solicitação do eTA.

    Além disso, ele permite que um visto válido dê acesso à múltiplas entradas e disponibiliza um tempo maior de permanência.

    Vale ressaltar que o eTA vale apenas para entrada aérea no Canadá.

    3. Realizar a biometria:

    Desde 2018, é obrigatório cadastrar seus dados biométricos para solicitar o visto candense. para isso, agende o atendimento no CVAC (Centro de Solicitação do Visto do Canadá).

    O CVAC possui unidades de atendimento em São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Recife e Porto Alegre.

    4. Considerar a aplicação para o Express Entry:

    Ano a ano a população canadense está envelhecendo e as taxas de natalidade são baixas. Esse comportamento resultou em níveis muito baixos de mão de obra qualificada no país.

    Diante disto, o Canadá tem recrutado trabalhadores que tenham interesse em se mudar para lá, de forma a suprir a escassez de mão de obra jovem.

    A seleção dessa mão de obra é feita através do sistema Express Entry. Ele regula as solicitações de Imigração federal:

  • Federal Skilled Worker program, para trabalhadores com qualificação;
  • Federal Skilled Trades Program, para trabalhadores técnicos;
  • Canadian Experience Class.
  • Após se cadastrar no sistema através de formulário online, seu perfil pode ser visto tanto pelo governo do Canadá quanto por empregadores. A análise do perfil se dá de maneira online.

    E caso seu perfil seja selecionado, você é convidado (Invitation to Apply for Permanent Residence) para fixar residência no Canadá.

    Depois de ser selecionado pelo Express Entry é convidado a morar no Canadá, as chances de ter o visto candense aprovado são altas. Tudo vai depender da sua documentação.

    5. Apresentar seu histórico acadêmico:

    Se você está indo para o Canadá para estudar, preste atenção ao seu histórico escolar e ao curso que você pretende fazer lá.

    Se houver incompatibilidade, o oficial pode entender que você não está indo para o Canadá para estudar e sim para imigrar e pode negar o seu visto.

    6. Realizar os exames médicos:

    Dependendo do tipo de visto e se o oficial de imigração achar necessário, você terá que se submeter a um exame.

    Este exame acontece com médicos reconhecidos pela Citzenship and Immigration Canada (CIC).

    Os exames mais comuns são raio-X do pulmão, exames toxicológicos de urina e exames de sangue.

    7. Manter a organização dos documentos

    Parece bobo dar essa dica, mas acredite. Muitas pessoas têm o visto negado por problemas com a documentação e prazos, datas.

    8. Documentação

    Problemas com a documentação, geralmente, ocorrem por falta de organização e planejamento.

    O processo de solicitação de visto é composto de várias etapas. Sempre há documentos a serem apresentados em determinadas datas.

    Portanto, mantenha todos os seus documentos organizados, em local de fácil acesso e com cópias autenticadas. Pecar pelo excesso, nesse caso, nunca é demais.

    9. Carta de intenção

    É um item opcional que você pode utilizar para deixar claro seus objetivos e mostrar que você tem boas intenções. É uma forma de se comunicar com o oficial que vai analisar sua solicitação de visto.

    Neste artigo, apresentamos 9 dicas para ter o visto canadense aprovado. Seguindo cada uma delas, suas chances de ter o visto aprovado são maiores. Aproveite as dicas!


    Conteúdos relacionados

    /images/passaporte.jpg

    Como tirar o passaporte

    Como tirar passaporte: tire suas dúvidas com esse passo a passo

    /images/vistoAUD.jpg

    Como tirar visto para viajar para a Austrália?

    Veja um passo a passo de como tirar seu visto para a Austrália

    /images/vacina.jpg

    Vacina contra febra amarela

    Saiba aonde tomar e como emitir o certificado internacional